A avaliação comportamental dos candidatos e a empatia gerada com o entrevistador tem um peso significativo na seleção dos candidatos. Como tal, é muito importante preparar-se para a entrevista de forma a causar uma boa impressão.

Informe-se sobre a empresa

O primeiro passo é rever o anúncio de emprego, pois é importante saber exatamente para que vaga se candidatou, quais as funções e os requisitos que a empresa considera relevantes. Desta forma, sabe o que será valorizado nos candidatos e pode então fazer uma boa preparação.

Além de saber exatamente para o que se candidatou, é também importante conhecer a empresa e a sua história. Na era da globalização não há desculpa para não fazer esta pesquisa. Navegue nas redes sociais da empresa e visite o site corporativo. A dada altura, vão perguntar-lhe porque é a pessoa certa para a função e é importante responder de forma assertiva e estruturada.

Previna imprevistos

Na véspera da entrevista convém pesquisar a morada e delinear a forma mais fácil de lá chegar, bem como os possíveis contratempos que poderá ter de enfrentar. Tente chegar dez minutos antes da hora agendada e, se se atrasar, justifique mas não passe a entrevista a desculpa-se.

Convém ainda preparar a roupa: vista-se bem, discreto e sóbrio, mas não demasiado formal, devem evitar-se os perfumes fortes, as senhoras devem evitar roupas mais arrojadas e manicuras extravagantes..

É também aconselhável preparar algumas perguntas. Se estiver muito nervoso, pode comentar com o entrevistador. Esta introdução pode servir para quebrar o gelo e permitir que a conversa que têm pela frente seja mais informal.

Prepare o seu discurso

Recorde-se que não se pretende que debite o seu Curriculum, pois o entrevistador já conhece o seu percurso.  Deve descrever de forma estruturada os momentos mais relevantes da sua vida profissional, desde a formação académica à experiência profissional, realçando os momentos mais gratificantes, os maiores desafios, o que aprendeu em cada uma das suas experiências, bem como o que o levou a progredir para cada uma das experiências profissionais, sempre justificando as suas escolhas.

Se pesquisar online, encontra vários guiões de entrevista e pode ensaiar as respostas a cada uma das perguntas. As mais frequentes são: porque se candidatou a esta vaga? Porque acha que será a pessoa certa para trabalhar nesta empresa? O que o leva a querer trabalhar nesta empresa? Encontra-se noutros processos de recrutamento? Quais são os seus planos a curto e médio prazo? Deve responder sempre de forma aberta e honesta. Ao ser sincero, as respostas são mais espontâneas e vai, com certeza, ficar mais descontraído e criar empatia com o seu interlocutor mais facilmente. Ainda que uma resposta menos sincera passe na entrevista, se não tiver as competências necessárias ou se não se enquadrar na cultura da empresa vai ser muito complicado manter-se na empresa.

Lembre-se que o objetivo da entrevista é passar a mensagem de que será uma mais-valia para a empresa e porquê: tudo se resume a esta questão. Terá de convencer o entrevistador que é o candidato certo para a função, demonstre que o seu perfil se enquadra na estrutura da empresa e as suas competências vão ao  encontro do que procuram.

Pretende candidatar-se a novas ofertas de emprego? Consulte as oportunidades mais recentes no nosso website.